Fale Conosco

Blog

Como garantir a sobrevivência da sua pequena empresa com uma ferramenta simples

O brasileiro é um povo de alma empreendedora. Em 2015, três em cada 10 brasileiros possuíam sua própria empresa ou estavam envolvidos com a criação de um negócio próprio. Isso foi em 2015…

Em um levantamento de 2016, publicado pela revista Fast Company, onde o objetivo era descobrir quais são os países com os empreendedores “mais determinados do mundo”, em uma escala de 1 (mais fácil abrir um negócio) a 130 (mais difícil abrir um negócio), o Brasil recebeu pontuação de 125.

Mesmo assim, ficamos no 5o lugar de país mais empreendedor de todo o mundo. Além disso, somos o país mais empreendedor dos BRIC’s, com 34% de taxa total de empreendedorismo, superando China, Índia, África do Sul e Rússia.

Mas, o que isso quer dizer? Quer dizer que mesmo com todas as dificuldades e burocracias, ainda temos “sangue nos olhos”, quando se trata de fazer as coisas acontecerem.

As dificuldades de iniciar um negócio no Brasil

O problema é que essa burocracia é cruel! Nenhuma empresa começa grande (com algumas exceções a essa regra). Mesmo que as pequenas empresas representem 93% de todas as empresas que existem no país, 40% da massa salarial, 52% dos empregos formais, 51,5% das companhias consideradas de alto crescimento e 27% do PIB, quais os benefícios que elas têm aqui no Brasil?

NENHUM! Elas sofrem muito mais que qualquer outra, pois estão largadas em um mercado altamente competitivo que só beneficia os grandes. Por isso, as micros e pequenas empresas sofrem, e sofrem muito, para se manter de pé e sobreviver. Muitas delas, 59% para ser específico, quebram antes de completar 5 anos de vida. E isso tem dois grandes motivos:

  1. Falta de acesso ao crédito para alavancar um negócio em fase inicial;
  2. Pouco ou nenhum conhecimento em gestão do negócio.

Fato é que os bancos, que controlam o capital, não confiam no pequeno empresário. Em média, 65% das micros e pequenas empresas não possuem acesso ao crédito, 10% não precisam e 25% são sub-atendidas nesse quesito.

O peso de garantir a sobrevivência da sua pequena empresa

Os dados falam por si só, dá uma olhada!

Entre 2011 e 2014 as micro e pequenas empresas geraram 3,5 milhões de empregos, enquanto as médias e grandes demitiram 263 mil pessoas. E o absurdo não para por aí! Os salários sobem mais de 33% nos pequenos negócios e apenas 22% nas médias e grandes empresas.

Ter seu próprio negócio é o 3o maior sonho do brasileiro, ficando atrás apenas de viajar pelo Brasil e ter a casa própria. Então, o que o governo e as instituições estão fazendo para realizar esse sonho? A resposta é simples! NADA.

Apenas burocratizam o que poderia ser simples, com uma educação que não é empreendedora e com um sistema financeiro que só beneficia grandes empresas.

O que o BOM Microfinanças faz?

É a hora de alguém tomar essa dor para si e ajudar o empreendedor brasileiro a chegar onde ele merece. E como fazer isso? Resolvendo aqueles dois problemas que citamos antes, que qualquer pequena empresa herda quando nasce. Só que dessa vez, é sem burocracia e com rapidez a jato.

Foi para isso que o BOM Microfinanças foi criado! Para revolucionar o mercado de microcrédito no Brasil, com duas ferramentas simples e ao mesmo tempo superpoderosas: gestor financeiro gratuito e crédito produtivo ágil (em até 48 horas).

Quer mais? Os empreendedores que aderirem à revolução do BOM Microfinanças ainda terão uma rede de contatos para encontrar parceiros, fornecedores e clientes para fazer e amplificar seus negócios.

Imagine você, de qualquer lugar do Brasil, que precisa de crédito para alavancar e garantir a sobrevivência da sua pequena empresa, mas não tem acesso ao crédito dos grandes bancos? Vai lá na Apple Store ou na Google Play e baixa o BOM (ou faz do seu computador mesmo!).

O que você ganha com o BOM Microfinanças?

Um gerenciador de negócios gratuito para gerir e garantir a sobrevivência da sua pequena empresa e ter mais crédito produtivo pré-aprovado para você – com até 60% de redução nas taxas de juros – se comparadas às taxas aplicadas hoje no mercado de microcrédito.

Com alguns cliques sua empresa “enche o tanque” com combustível de foguete e já está pronta para decolar.

DETALHE: colocando os dados financeiros da sua empresa dentro do software, você começa a receber dicas e instruções personalizadas de como fazer o seu negócio crescer ainda mais. Você vai aprender a fazer o seu dinheiro se multiplicar!!!

A plataforma conecta os pequenos empreendedores ao mundo dos grandes negócios. Entregando valor, rapidez e agilidade no processo de tomada de crédito, com juros até 60% menores que as taxas de mercado.

Além disso, oferece um gerenciador de negócios gratuito, que empodera o empreendedor a entender a realidade financeira para a sobrevivência da sua pequena empresa. Tudo isso para você tomar melhores decisões e multiplicar o seu dinheiro dia após dia.

Você quer conhecer o BOM? Vem aqui, ó: www.bommicrofinancas.com.br

Diogo Monteiro Escrito por Diogo Monteiro

CMO da Bom Microfinanças