Fale Conosco

Blog

Projeto de inovação: dá para desenvolver sem tirar dinheiro do meu caixa?

Começo o artigo com um convicto e sonoro: SIM! E mais, dá até para ganhar dinheiro tirando da gaveta o seu projeto de inovação. Eu nem estou falando de ser pioneiro, melhorar margens e ampliar mercado, estou me referindo apenas à questão do financiamento para inovação.

Durante minhas conversas com empresários, é muito comum ouvir esta pergunta depois de eu explicar as condições e oportunidades relacionadas a projetos de inovação. E minha resposta é sempre a mesma, sim!

Por exemplo, uma empresa de pequeno porte pode captar recursos a 7% a.a., com dois anos de carência e seis de amortização, com base em um bom projeto de inovação.

Se for indústria, ainda pode combinar com a postergação de parte do ICMS incremental com taxas médias de 4% a.a.. E se a sua empresa é optante do lucro real, ainda pode diminuir a base de cálculo de Imposto de Renda usando como base o mesmo projeto de inovação.

Assim, você usa o recurso público para financiar seus projetos a baixíssimos custos, tira a pressão do seu caixa e aplica os recursos disponíveis em outros ativos mais rentáveis. Ótima oportunidade, não é mesmo?

Como tirar o projeto de inovação da gaveta?

Para acessar tais recursos não é preciso ter projetos que vão revolucionar o mercado com a tecnologia mais disruptiva da história. Mas, também não é suficiente comprar as máquinas modernas daquela feira internacional.

A identificação de um projeto de inovação envolve critérios básicos como aprendizagem e novas competências. Normalmente, quando você precisa estudar, testar, redesenhar e produzir protótipos (aprendizagem) e, no final do projeto, está habilitado para oferecer novos produtos ou serviços, entregando mais valor para os seus clientes (nova competência), a inovação está ali.

Vale destacar ainda que as empresas não precisam assumir sozinhas o desafio de inovar. Quanto mais elas puderem conduzir projetos em parceria com desenvolvedores de tecnologia, empresas de engenharia, startups e instituições de pesquisa nacionais e internacionais, melhor para o seu projeto.

Em geral, os projetos mais inovadores costumam reunir empresas e profissionais com especialistas de áreas variadas, por combinar diferentes olhares sobre um mesmo tema.

Sabendo disso, as instituições de fomento também valorizam as parcerias nos projetos. Que tal sair na frente e inovar? Que tal ampliar suas margens, sua participação no mercado e associar sua marca à imagem de uma empresa inovadora?

Tire seus projetos da gaveta, convide startups, chame as universidades para participar desse processo e ganhe dinheiro com a inovação antes mesmo de lançar os produtos no mercado.

Ilisangela Mais Escrito por Ilisangela Mais

Especialista em inovação e mentora da Spin.